Argila

Sendo a arteterapia uma ferramenta terapêutica não-verbal capaz de traduzir experiências internas do indivíduo, ganha a oportunidade de expressão através dos mais diversos matérias expressivos, sendo a argila um elemento extremamente versátil e simbólico. A argila é um material vivo, natural, úmido, viscoso, frio, bastante plástico e maleável que proporciona fluidez plástica e traz diferentes sensações ao toque, possibilidades afetivas e troca entre ela e quem a manipula, tanto pela forma, quanto pela troca de temperatura e umidade causada pelo anuseio. Aliás, é o controle da umidade, como a secagem natural ou queima em forno que muda completamente a textura da argila, tornando permanente a forma pensada por quem a manipulou. A argila também oferece a possibilidade do erro, afinal ela pode ser remodelada e transformada novamente, e esse, acredito ser um dos fatores mais simbólicos e importantes no seu uso terapêutico, a possibilidade de recomeçar sempre. Outro grande valor que atribuo a esse material é o contato com conteúdo primitivos dos quais estamos tão afastados. Usada desde sempre pelos mais antigos povos na confecção de peças utilitárias e ritualísticas, a argila nos aproxima desses povos. Os elementos da natureza todos presentes nesse material, nos aproxima da nossa própria natureza.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s